sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Memorial Familiar- uma grande lição de vida !

Olá, alunos

Terminei a correção do Memorial Familiar nas turmas 1D,1E,1F,1G.

Devo-lhes dizer que é gratificante a experiência de entrar,mergulhar  no universo das mais diversas realidades.Também é uma oportunidade de saber origens de meu aluno ,seus laços de amizade e laços familiares.Entro também em contato com várias situações interessantes e curiosas.Apendo muito com essas leituras proveitosas e agrego muitas informações para a minha experiência pessoal.

Ao contrário do que algumas famílias imaginam, o trabalho é uma oportunidade de estreitar laços entre os familiares distantes que ,às vezes,estão distantes. Também é uma maneira de fortalecer os laços familiares com os parentes mais próximos ,coletando informações nunca antes proporcionadas.É uma forma de estabelecer uma discussão entre os membros da família e uma ótima fonte de dados sobre o perfil desse aluno ou aluna que hoje faz parte de nossa clientela no Ensino Médio.

Sei que problemas existem em todas as famílias.Só o fato de sermos pessoas complexas,temos todos os nossos altos e baixos,sozinhos ou em famílias.Afinal ,que família não passa por conflitos e crises?Se os pais , mães, responsáveis se detivessem mais numa dessas leituras, aprenderiam muito como eu aprendo, ao ler cada um desses memoriais.
 
Tenham a certeza de que minha aprendizagem para uma vida de equilíbrio , paz e melhor qualidade de vida junto à minha família eu também consigo por meio dessas leituras dos memoriais.São vivências diferentes,porém com uma essência de verdade incrível.

A prática  de uma vivência religiosa me chamou a atenção ,quando a maioria dos alunos pertencem a uma religião.Foi um dado animador,quando vemos por aí, jovens no mundo da violência ,passando por sérios conflitos na sociedade. Isso é um dado muito interessante,pois mostra a espiritualidade do jovem e sua capacidade de enfrentar problemas com o apoio espiritual.Sabemos que,em um mundo cheio de conflitos,a vivência na religião ajuda a diminuir as crises externas ou internas do ser humano.É de fundamental importância a ajuda dos líderes religiosos, por meio de aconselhamentos,grupos de oração,encontros dominicais,semanais que auxiliam pessoas em crise.

Além disso,percebi que ,alguns jovens ainda se encontram em dúvida quanto à religião a ser seguida, entretanto participam ,com alguma regularidade, das atividades que a sua igreja lhes oferece.Também percebi que muitos frequentam a igreja como um fator de sociabilidade,isto é, vão lá, a fim de se relacionar melhor com as mais variadas pessoas e com o intuito de conhecer pessoas de sua faixa etária.

É interessante saber que muitos jovens participam das tarefas de casa,ou seja, assumem o papel de seus pais,quando estes estão no trabalho.Isso acontece quando vão preparar as tarefas domésticas ou cuidar dos irmãos menores até os pais retornarem do trabalho.

Enfim, cada memorial tem seu valor e para os pais, mães e responsáveis que lerem esse meu desabafo, leiam esse material ,assim que cada um recebê-lo de volta.Será uma oportunidade de confirmar tudo isso que eu disse e sentirem-se peças importantes de uma complexa engrenagem que é o ser humano.

Nenhum comentário: